Notícias

10
set/2015
Sindivest promove o Bate-papo “Como você destina o resíduo têxtil?”
Compartilhe

Empresários e profissionais da confecção são convidados a participar de bate-papo sobre licenciamento ambiental e destinação de resíduos

O Sindicato das Indústrias do Vestuário e do Calçado do Nordeste Gaúcho (Sindivest) promove o bate-papo, ministrado por Cézar Zimmermman da Newambi, no dia 21 de setembro, segunda-feira, às 18h30min, no miniauditório do Fitemasul, na Cic Caxias (Rua Ítalo Victor Bersani, 1334).
No Bate-papo, o palestrante vai falar sobre o destino ambientalmente correto para os restos de tecidos, já que não podem ser dispensados diretamente no meio ambiente ou recolhidos pela coleta seletiva porque liberam gases na degradação, como o sulfeto de carbono e o gás sulfídrico. Serão apresentados os destinos possíveis para os tecidos naturais, artificiais (viscose), sintéticos (poliéster) e mistos, que podem ser recebidos em aterros industriais por serem biodegradáveis, ou enviados para a incineração (coprocessamento) pelo alto valor calorífico.
As indústrias do vestuário da cidade e da região associadas ao Sindivest contam com a parceria da Newamb Soluções Ambientais para a destinação dos resíduos sólidos, bem como com a consultoria ambiental, no que se refere ao licenciamento ambiental. A Newamb atua especificamente na área de consultoria ambiental, coleta, transporte e encaminhamento de resíduos sólidos industriais ao seu destino final.

Este encontro é uma realização do Sindivest e do Fitemasul com apoio do APL Pólo de Moda com o objetivo de aproximar a entidade dos empresários do setor têxtil, apresentando informações que contribuem para o dia a dia das empresas. As vagas são limitadas com inscrições gratuitas pelo e-mail sindivest@sindivest.com ou pelo telefone (54) 3228.2112.

 

Informações sobre licenciamento ambiental e destinação de resíduos

A Newamb atua especificamente na área de consultoria ambiental, coleta, transporte e encaminhamento de resíduos sólidos industriais ao seu destino final.

A partir de agora, as indústrias do vestuário da cidade e da região associadas ao Sindivest agora contam com o apoio da Newamb Soluções Ambientais para a destinação dos resíduos sólidos, bem como com a consultoria ambiental, no que se refere ao licenciamento ambiental.

A grande preocupação das indústrias têxteis é qual o destino ambientalmente correto para os restos de se seus tecidos, já que não podem ser dispensados diretamente no meio ambiente, nem tampouco recolhidos pela coleta seletiva, porque liberam gases na degradação, como o sulfeto de carbono, o gás sulfídrico, embora sejam são biodegradáveis.
Destinos possíveis para os tecidos:

Os tecidos naturais, artificiais (viscose), sintéticos (poliéster) e mistos podem ser recebidos em aterros industriais pois são biodegradáveis, e os aterros industriais possuem controle de gases, outro destino possível é a incineração (coprocessamento) pelo alto valor calorífico.

Atualmente em termos de custos de destinação, o processo de coprocessamento gira em torno de R$ 730,00 por tonelada ou R$ 0,73 por kg, já o aterro industrial em média de R$ 0,25 kg ou R$ 250,00 por tonelada
.
A Newamb é responsável pelo gerenciamento completo de destinação final dos resíduos, emitindo então nota fical referente a esses serviços, e todas as certificações ambientais.
 

Coletas:
O sistema de coleta dos resíduos pode ser feito de três maneiras:
- O primeiro focado nos pequenos geradores, pode ser feita uma logística de coletas coletivas para reduzir o custo do frete;
- O segundo sistema é para os grandes geradores, esses podem contar com uma coleta independente;
- A terceira opção é a contrução de uma central de resíduos.
Obs.: Não existe quantidade mínima para coleta.

Certificados:
As empresas precisam emitir nota fiscal de saída no momento da coleta dos tecidos que serão enviados para seu destino final, nota contendo informações como peso ou volume dos tecidos, essa informação é fundamental para a emissão de Certificado Ambiental, este gerado pela empresa recetora dos resíduos e entregue pela Newamb.
As indústrias que ainda não têm a Licença de Operação (LO) concedida pela SEMMA, ainda podem destinar seus resíduos por um período indeterminado, porém devem encaminhar e regularizar essa questão o quanto antes, as empresas que recebem e dão o tratamento dos resíduos logo exigirão as devidas licenças ambientais para receberem os resíduos. Essa exigência já faz parte das empresas de incineração, elas não recebem resíduos de indústrias e empresas que não possuem Licença de Operação.
A Newamb pode auxiliar em todo o precesso de licenciamento ambiental para regularização das industrias que ainda não tem a LO.

Voltar